VillaseGolfe
· Cultura · · T. Redação · F. Direitos Reservados

Lançamento do romance «Felicidade à Espera»

Do desporto à literatura

Villas&Golfe Pub.

Carlos Ávila de Borba é um renomado consultor desportivo. Nasceu na Ilha Terceira, Açores, mas o seu futuro traçou-lhe rotas e voos distintos. Além de Portugal, fez a sua formação académica nos Estados Unidos e na Alemanha. Foi professor de metodologia do treino no Japão, na Universidade de Chukyo, em Nagoya, e foi preletor em ações de formação e congressos um pouco por todo o mundo.
Detentor de uma carreira brilhante na área do desporto, a que dedicou grande parte da sua vida, eis que a paixão pela literatura ganhou força e começou a ganhar contornos de realidade.
«Felicidade à Espera» é o seu primeiro romance, o primeiro de muitos, que retrata, por meio de uma qualidade descritiva excecional, uma viagem às ilhas dos Açores e ao continente português, movida pela fuga de uma atleta que não conseguiu aguentar a manipulação e ambição desenfreada da sua própria mãe. Por ser, talvez, uma realidade comum a muitos atletas, acreditamos ter sido esta a inspiração do escritor para criar esta personagem de nome Alison, que, com certeza, levará o leitor a segui-la página a página, enquanto aprecia um tipo de literatura escrita quase em jeito de prosa poética.
No desporto, Carlos Ávila de Borba desenhou um percurso marcado pela dedicação e excelência, que lhe valeram o reconhecimento a nível internacional e o levaram a ser um dos treinadores e preparadores físicos mais procurado por atletas de alta competição de todo o mundo. Ajudou, assim, várias figuras do desporto a sagrarem-se campeões europeus, mundiais e olímpicos, como por exemplo Carolina Kostner, Daisuke Takahashi, Mao Asada, Takahiko Kozuka, Koji Murofushi, Kanako Murakami, Denis Ten, Mirai Nagasu, Adam Rippon, Kiira Korpi, entre outros. A par disso, dirigiu várias academias de desporto, foi comentador de televisão e colaborou em publicações internacionais do âmbito desportivo.
Na literatura, quem o conhece, com certeza, aguarda o mesmo sucesso. O livro, com capa de Marcelo Bengoechea, foi lançado no passado dia 9 de junho, na 89.ª Feira do Livro de Lisboa, sob a chancela da editora Calendário de Letras, e contou com a apresentação do ator Ricardo Carriço, bem como do investigador e escritor Pedro Mota.
Mas não se desiludam os leitores que não tiveram oportunidade de assistir, pois o autor irá também aos Açores, ainda este mês, onde apresentará o seu livro no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Angra do Heroísmo, no dia 25 de junho, às 19h00.
Atualmente, o autor reside em Munique, Alemanha, é consultor desportivo em França, Estados Unidos, Alemanha, Finlândia, Japão e Portugal e dedica-se, naturalmente, a esta sua paixão: a escrita. 

Redação
T. Redação
F. Direitos Reservados