Villas&Golfe MozambiqueEdition Villas&Golfe AngolaEdition
VillaseGolfe
· cultura · · T. Redação · F. Direitos Reservados

Mosteiro de Wiblingen

Um tesouro rococó

Villas&Golfe Pub. PUB HOMES IN HEAVEN Pub.
Vidago Villa Pub.
PMmedia PUB Pub.

É uma das obras-primas de Ulm, a cidade natal de Albert Einstein. O Mosteiro de Wiblingen, na Alemanha, é uma antiga abadia beneditina e uma belíssima construção barroca. E a beleza do edifício não está só no seu exterior. Aliás, destaca-se, sobretudo, no interior, onde está guardada uma das mais majestosas bibliotecas do mundo, uma obra de arte rococó, com característicos ornamentos e um grande e colorido fresco no teto, que faz da Bibliothekssaal a grande atração do mosteiro.
Conta a história que, em 1093, os condes Hartmann e Otto von Kirchberg ofereceram aos monges da Abadia de San Blas, na Floresta Negra, terras próximas ao rio Iller, que os clérigos usaram para criar uma instituição filial. Em 1099, foram consagrados os primeiros edifícios. O primeiro abade foi Werner von Ellerbach. No mesmo ano, os condes fundadores ofereceram à abadia uma lasca da Verdadeira Cruz que haviam adquirido durante a sua participação na Primeira Cruzada. E sabe-se que, no final da Idade Média, a Abadia de Wiblingen já era famosa pela sua bolsa de estudos e educação, bem como por ser um exemplo de disciplina monástica, devido à sua adesão à Regra de São Bento.

DESTACA-SE, SOBRETUDO, NO INTERIOR, ONDE ESTÁ GUARDADA UMA DAS MAIS MAJESTOSAS BIBLIOTECAS DO MUNDO

Durante a Guerra dos Trinta Anos, a abadia sofreu repetidamente com o conflito. Por iniciativa do abade Johannes Schlegel, a relíquia com a Verdadeira Cruz foi escondida e protegida do saque das tropas suecas protestantes. Porém, após a retirada do inimigo, a relíquia não pôde ser recuperada, pois todos os que sabiam do seu esconderijo tinham sucumbido à peste bubónica. Só anos depois, a relíquia foi redescoberta, incrustada atrás de uma parede. O status da abadia como um território independente dentro da antiga Áustria parece ter ocasionado a renovação do mosteiro no séc. XVIII. Os espaços da abadia medieval foram sucessivamente ampliados e alterados, com a igreja original construída em estilo românico. Hoje, os edifícios abrigam vários departamentos da faculdade de medicina da Universidade de Ulm. A antiga abadia está localizada ao sul da confluência dos rios Danúbio e Iller, no estado alemão de Baden-Württemberg. O mosteiro faz ainda parte da Rota Barroca da Suábia Superior. 
Redação
T. Redação
F. Direitos Reservados
Política de Cookies

Este site utiliza Cookies. Ao navegar, está a consentir o seu uso. Saiba mais

Compreendi