Há 50 anos por Portugal

André Jordan

Opinião Anterior

O que aumenta o valor do seu imóvel?

Agnieszka Kijonka

CEO A1 Algarve Real Estate

Agnieszka Kijonka
Se comprar ou renovar um imóvel, quer um investimento duradouro. Características exclusivas e o tamanho do imóvel são considerados como de alto nível e podem ser um argumento de venda essencial. Por exemplo, domótica, lareira a gás, cozinhas de design, casas de banho generosas com grande zona de duche e banheira de hidromassagem, piso radiante e materiais nobres são populares. Áreas de luxo dentro da propriedade incluem um bar, sala de cinema, sala de jogos, área de spa e um serviço de segurança privado.
Acabamentos de alta qualidade refletem-se no preço de compra e contribuem para a estabilidade do valor da casa. No entanto, é importante que esses acabamentos permaneçam neutros. Equipamento fora do normal, pinturas murais, sistemas de cortina caros e cortinas com ar cansado dificilmente são considerados atraentes para revenda. Não importa quão alta a qualidade destes produtos é – o gosto é subjetivo.
Qualquer pessoa que constrói ou reconstrói pode criar a sua própria casa de acordo com os seus próprios gostos – mas é importante que tais questões de gosto possam ser alteradas posteriormente sem muito esforço. É aconselhável utilizar soluções que possam ser facilmente alteradas e que não sejam dispendiosas, especialmente no que diz respeito a pavimentos, instalações e revestimentos de paredes. Muitas vezes as tendências vêm e vão e evoluem estilos. Portanto, os interiores provavelmente vão precisar de ser atualizados antes da venda. O que realmente importa para o comprador são os ‘valores internos’, como isolamento e materiais de construção de qualidade e cabos e tubos escondidos. São caros e pode ser complicado moderniná-los ou repará-los.
Também pode fazer sentido preparar a sua casa para futuras tecnologias de energia e telecomunicações. Pensar em conexões para sistemas de ar condicionado ou preparar uma conduta de chaminé e chaminé separadas são escolhas sensatas. Tais medidas tornam o imóvel muito atraente para potenciais compradores, que podem investir no produto final sem terem de se preocupar com remodelar e abrir paredes.
Para a geração ‘baby-boomer’, o topo da lista de prioridades para muitos compradores também é o desejo de flexibilidade: como pode a configuração ser alterada quando se envelhece? As portas, casas de banho ou escadas são adequadas para os idosos? Outros, ainda, querem evitar o aumento permanente dos custos de eletricidade e, portanto, querem sistemas solares no telhado.